Modalidades

botao_hiitbotao_kangoobotao_funcional

borboletas
polaroid_hiitHIIT TRAINING
A nova modalidade que na verdade é um novo formato de Treinamento Funcional: é o High-Intensity Interval Training, mais conhecido como HIIT.
O HIIT pode ser feito ao ar livre e promete queimar muitas calorias e reduzir o percentual de gordura dos adeptos mantendo o metabolismo acelerado por horas após o treino, e isso tudo em 30 minutos.
É uma modalidade de explosão, que consiste em realizar cada exercício com a intensidade máxima durante séries curtas (no máximo 2 minutos) intercalando com igualmente curtos períodos de descanso, que pode ser ativo (exercícios de baixa intensidade) ou passivo – ficar um pouco parado e retomar o fôlego. Tudo vai depender da capacidade e evolução do aluno.
Os movimentos são todos embasados no treinamento funcional, ou seja, utilizam diversos grupos musculares ao mesmo tempo através do equilíbrio e peso do próprio corpo. Alguns exemplos são: pular corda, subir escadas, burpee, sprint, agachamentos com saltos, agitar cordas navais e bater em saco de boxe.
Eu sou adepta do HIIT, usamos tanto em séries de treinamento funcional como em aulas exclusivas (e mais curtas). Os resultados são incríveis e a aula é super motivadora. Ainda assim, é importante deixar claro que essa modalidade não substitui treinos de reforço muscular, como o funcional ou musculação e que pratica-la sem orientação pode ser bem perigoso e causar graves lesões.

 

borboletas
polaroid_kangooKANGOO JUMPS
É bem provável que você já tenha visto o Kangoo nas ruas, em academias ou em fotos nas redes sociais. É uma bota que lembra o roller, mas ao invés de rodinhas tem duas hastes na parte de baixo que funcionam como molas que te dão impulso e amortecimento para pular.
Essa estrutura permite ao aluno ou praticante malhar em liberdade, em total sintonia com os ritmos propostos nas coreografias das aulas, ou simplesmente correr com menos impacto.
Pode parecer difícil se equilibrar, mas o kangoo é super estável e logo o aluno se sente seguro para começar a diversão. A bota foi inicialmente desenvolvida para tratamentos fisioterapêuticos em pacientes com lesões no joelho, tornozelo e quadril, por isso 80% do impacto (é considerado o calçado de menor impacto do mundo). Isso permite ao aluno elevar a muito a capacidade cardiorrespiratória (e queimar muitas calorias) com baixíssimo risco de lesão.
Outras grandes vantagens são: reforço do CORE, ativação do sistema linfático (drena naturalmente) e consequentemente reduz visivelmente a celulite!
Bem, como não amar esse querido que além de trazer inúmeros benefícios para o físico ainda trabalha a mente combatendo o stress?

 

borboletas
polaroid_funcionalTREINAMENTO FUNCIONAL
Você já parou para pensar na essência do corpo humano? Feche os olhos e pense rapidamente na figura de um homem das cavernas! Certamente a imagem era de um corpo com pouca gordura, músculos firmes e definidos, não é?
O corpo humano foi feito para saltar, correr, se equilibrar, agachar, fazer força, alongar e tantos outros movimentos que foram moldando nossa estrutura óssea e muscular. Nós não fomos “projetados” para ficarmos sentados ou parados na mesma posição o dia todo, mas a vida moderna muitas vezes nos exige isso.
Buscando valorizar a essência no nosso corpo é que foi desenvolvido o TREINAMENTO FUNCIONAL. Esta modalidade virou tendência e febre mundial, pois trabalha com os mais variados movimentos e posições que nosso corpo pode fazer, mas muitas vezes nós havíamos esquecido.
O Funcional utiliza a força e equilíbrio do próprio corpo, utilizando os mais variados equipamentos que aumentam o grau de dificuldade dos exercícios, por exemplo, dando mais instabilidade e resistência aos exercícios propostos. Assim, cada série trabalha diversos grupos musculares simultaneamente e em especial, a região do CORE (centro do corpo ou região abdominal), já que é ela que dá estrutura a partes tão importantes como a nossa coluna vertebral. Com o CORE bem condicionado, todo o corpo fica mais coordenado e isso resulta em um menor risco de lesões.
O físico construído através do Treinamento Funcional é um corpo harmônico, delineado, bem reforçado, mas leve, ágil e flexível ao mesmo tempo. Podem-se adaptar infinitos exercícios para aumentar o condicionamento para esportes específicos, ou então para reforçar e recuperar antigas lesões.
Mas atenção: a criatividade e conhecimento precisam andar juntos no desenvolvimento dos treinos. O acompanhamento de um profissional habilitado, atento aos exercícios e corrigindo os movimentos, é indispensável para resultados saudáveis e cada vez mais desafiadores.